Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘revestimento’

Quem está pensando em reformar a cozinha já deve ter visto que elas estão recebendo cada vez menos revestimentos. Sim, falo dos azulejos, que estão sendo trocados por outros materiais ou mesmo pela simples pintura.

A edição de julho da revista Minha Casa traz um exemplo bem interessante, que leva azulejos apenas na área “molhada” (parede da pia). A arquiteta Vanessa Férez optou pelo uso de placas cerâmicas que imitam pastilhas, uma economia dupla no orçamento: na metragem dos azulejos e no preço, pois as pastilhas são beeem mais caras.

A cerâmica não chega nem mesmo até o teto

As demais paredes receberam tinta branca

Numa das edições do Hoje em Casa.com a designer de interiores Yara Kílaris mostrou uma cozinha decorada com madeira de demolição. Um painel de 3,5 metros quadrados reveste uma das paredes, no espaço acima dos móveis e ocupa o lugar dos azulejos. O custo da mão de obra por metro quadrado usando madeira de demolição fica entre  R$ 20,00 a R$ 30,00 (mais barato do que muita cerâmica por ai).

Nem preciso dizer que sou fã do material!

O acabamento em mármore da pia é bem largo, chegando até a janela, já que a cozinha não recebeu cerâmica.

A madeira só não pode revestir a área molhada

Anúncios

Read Full Post »

Ai que emoção!  No fim de semana recebi pisos, azulejos e as faixinhas dos banheiros de casa. Comprei tudo no final de dezembro, mas algumas peças são vendidas por encomenda (pode demorar até 90 dias, dependendo do material).

Como  eu não tinha pressa  (estou temporariamente sem pedreiro, que está em uma obra, digamos, mais urgente, por conta das chuvas em São Paulo, rs), comprei mesmo assim e aceitei o prazo. Mas chegaram mais rápido do que imaginava. Viva!

Agora aguenta a ansiedade pra ver tudo instalado… Tirei algumas fotos do material de um dos banheiros, mas nem todas mostram exatamente como são.  A-do-ro pastilhas, de todos os tipos, mas elas não são, digamos, baratas, principalmente para instalar num banheiro inteiro. Então, resolvi colocá-las apenas como detalhe, como faixa de um dos banheiros. Comprei um modelo da linha Cristal, da Colortil (site sendo reformulado).

Pastilhas de vidro, da Colortil

Adoro verde!

Elas vêm assim, em placas de 30×30 cm e, para quem não sabe, são coladas numa espécie de tela, para facilitar na hora de assentar, e são bem flexíveis (molengas). Digo isso porque muita gente pensa que elas são colocadas uma a uma, já imaginou o trabalhão? Já presenciei o espanto de pessoas nas lojas, inclusive rs, quando veem que elas são como um piso mesmo. A tela de fundo some, quando a pastilha recebe o rejunte.

Ah, mas você deve estar se perguntando: mas ela não disse que usaria como faixa no banheiro? Sim… o “truque” será cortá-las… usarei duas fileiras como faixinha, dividindo os dois tons do azulejo: verde em cima e branco embaixo. É mais ou menos assim:

Aqui dá pra ver a telinha que vem atrás das pastilhas. Podem ser recortadas em quantas fileiras desejar

O fato de usar as pastilhas recortando-as foi ideia e sugestão do vendedor (comprei tudo na Dicico). A faixa de pastilha com duas fileiras já pronta sairia muito mais cara (era de outra marca, não me lembro agora), fosca e os tons de verde um pouco mais apagados.

Já o revestimento é da Gyotoku, falei deles outro dia aqui, modelos Gallery Green e Gallery White. Na foto que tirei em casa não dá pra ver muito bem, mas eles são verdinhos e brancos, com riscas que “imitam” pátina (uma técnica de pintura de móveis e parede). Medem 27×42 cm e serão assentados na vertical.

A foto do revestimento que tirei em casa

Foto do produto do site da Gyotoku

Gallery White, também do site, mas não dá pra ver as riscas

Esta outra foto de divulgação da própria Gyotoku dá pra ter uma ideia melhor, apesar de parecer um verde mais escuro do que é na realidade (ou será que na foto usaram o Gallery Blue?).

Foto de divulgação da Gyotoku

Read Full Post »