Árvore na parede do quarto do filho

A inspiração para decorar o quarto do meu filho com uma árvore partiu de um post do Vila do Artesão, que foi feita com tinta e retalhos de tecido.

Depois, busquei por adesivos de árvores e me deparei com este, perfeito:

Pedi para minha irmã riscar a árvore na parede e fiz todo o contorno e preenchimento do desenho com tinta para tecido marrom, da Acrilex. Risquei as folhas em três tamanhos diferentes no plástico adesivo verde (tipo Con-Tact), recortei e colei nos galhos.

Mas ainda faltava algo e pensei numa coruja (símbolo de sabedoria), para atrair bons fluidos. Ela também foi feita com plástico adesivo preto (corpo e olhos), laranja (bico) e de bolinhas (asas). O resultado ficou assim:

Anúncios

O que fazer com potes e garrafas de vidro

Potes e garrafas de vidro que iriam para o lixo podem ser reaproveitados na decoração e viram luminária, porta-retrato, vasos, lustres, porta-treco e mais. E viva a reciclagem!

No banheiro/lavabo
Com a tampa parafusada na madeira vira um porta-treco
Para guardar as escovas de dente
Como porta-retrato
Potes de vidro + renda + velas
Também com rendas e velas
Potes + crochê + velas
Garrafas de formato e cores diferentes viram composição de vasos
Amarradas com sisal
Vasinhos pora temperos
Garrafas +luzes de Natal = lustre
Garrafas sem fundo = lustres

Árvores de Natal nada tradicionais

Adoro quando chega a época de montar a árvore de Natal (sempre monto no dia 1 de dezembro). Também gosto de ver as ruas iluminadas e brilhando à noite.

Mas, se você já enjoou daquela árvore de Natal tradicional ou, se de repente, a grana está curta para comprar uma nova, que tal bolar algo diferente?

Escada de madeira + luzinhas de Natal = uma árvore bem criativa
Apenas bolinhas presas ao teto com fios de nylon
Mini-árvore feita com rodelas de feltro colorido
De livros, para as desapegadas
Com enfeites e objetos presos na parede
Adesiva... mas só dá para usar uma vez
De arame revestido com lacinhos. Da revista Crescer.
De madeira, quase a ideia de uma cruz
Também em madeira, mais sofisticada
Ou, ainda, a árvore humana, para dar aquela alegrada no ambiente, haha

Reforma de móveis: antes e depois

Lixa + pincel + tinta = um móvel novo. Em pouco tempo – e sem gastar muito – é possível dar cara nova  e novo uso ao objeto antigo e que, muitas vezes, seria descartado.

Pode ser que para recuperar o móvel seja necessário improvisar um tampo para a mesa destruída (como placa de laminado), trocar o estofado de cadeiras ou mesmo colocar novos puxadores. Mas vale tudo, principalmente quando é um móvel de estimação que está feinho.

O passo a passo da mesinha está na edição de fevereiro/2010 da revista Minha Casa.

Cabeceira de cama antiga virou quadro

Cabeceira antiga ganhou novo uso no hall: pendurar bolsas

 

Armário antigo de farmácia: inspirações

Já falei aqui que tenho em casa dois armários antigos de farmácia. Sim, daqueles de ferro e vidro, pintados de branco (no meu caso repletos de ferrugem e poeira, rs), dá uma olhada:


Acabo de encontrar novas ideias de uso e pintura na revista Casa e Jardim, para quando eu conseguir reformar os meus:

Para guardar a coleção de toy art...
... ou de miniaturas de carro
Pintado de vermelho (adorei!), no banheiro, para guardar de tudo
Colorido, no quarto do bebê, abriga brinquedos
No ateliê, para guardar materiais

Update: mais duas novas fotos, da Casa e Jardim:

O que fazer com uma janela antiga de madeira?

Trocou as janelas de sua casa ou garimpou uma bem antiga em lojas de antiguidades (ou “desmanches” como costumo chamar) e não sabe o que fazer? Encontrei ideias interessantes… Basta colocar a “mão na massa” e usar a criatividade.

Como porta-retrato:


Como porta-correspondências:

Como lousa:


Como cabeçeira de cama:

Como quadro:

Como biombo:


Como espelho: