Feeds:
Posts
Comentários

Archive for maio \21\UTC 2010

Prateleira não é esponja de aço, mas também tem mil e uma ulitidades!

Podem ser usadas para abrigar livros, CDs/DVDs, coleções, miniaturas, enfeites, cosméticos e tudo mais que você desejar organizar e, principalmente, deixar à mostra.

Dependendo do material e do modelo, podem criar composições interessantes em diferentes ambientes.

Instaladas na diagonal, ganharam um certo charme

Para guardar os livros e as bebidas

Estreitas, deram graça a uma parede sem uso

Várias prateleiras, instaladas uma pertinho da outra

Na sala, fazendo a vez da estante (modelo Tok&Stok)

Ou no quarto, para apoiar a TV

Instaladas no banheiro, estas abrigam os diversos creminhos de uma blogueira...

O conteúdo não é de dar inveja? Obrigada, Vic! http://diadebeaute.com

Read Full Post »

Outro dia procurando em casa encontrei esta foto de um armário de farmácia reformado (não sei onde foi publicado, se alguém souber me fala!) que a dona destinou para o quarto do bebê. Todo colorido e alegre, abriga enfeites e brinquedos, uma lindeza!

Update: a foto é da Casa e Jardim.

Depois de reformado, o armário ganhou vida nova no quarto do bebê

Na época cheguei a procurar no Mercado Livre, mas tinha um beeeeemmmm velho e enferrujado por R$ 150,00. Acabei desistindo…

Eis que o pai da minha afilhada (que é dentista) ganhou dois desses armários de farmácia para o consultório dele, mas acabou não usando. É claro que, como ninguém queria, levei-os para casa. Sim, fiquei com os DOIS e, melhor: não paguei nadica por eles…

Tenho dois deste em casa, que ganharão vida logo, logo!

Ainda não tive ideia de como irei “transformá-los” mas, depois de uma bela pintura e da troca dos vidros, quero colocar um no lavabo (com toalhas, papel higiênio e tal) e outro num cantinho da minha sala, para fazer dele um “barzinho”.

Alguém arrisca um palpite????

Vera Corradi, personal organizer da Organização Total, me disse que faria ele todo branco com prateleiras de vidro. “Ficaria lindo os dois na sala: um preto e o outro branco. Você também pode pintá-los em duas cores que combinem com os tons da decoração da sua sala. Em um deles colocaria, por exemplo, todos os copos e, no outro, as bebidas.  Também ficaria muito fino com uma pátina provençal. Adoro!”.

O que vocês acham?

Read Full Post »

Chuveiro elétrico, uma invenção brasileira com mais de 80 anos

Tomar banho com chuveiro elétrico é mais econômico do que com aquecedores elétricos ou a gás. A afirmação vem da pesquisa da Escola Politécnica (Poli) da USP. O estudo do Centro Internacional de Referência em Reuso de Água (Cirra) também apontou que o chuveiro elétrico apresenta consumo médio anual de água menor que os demais sistemas de aquecimento.

O chuveiro elétrico, uma invenção brasileira com mais de 80 anos de vida, está presente em mais de 73% das residências brasileiras, segundo dados do Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica (Procel), entidade do Governo Federal.

A pesquisa concluiu que um banho de oito minutos custa – entre consumo de água e energia elétrica-, em média, R$ 0,27 (no chuveiro híbrido solar) e R$ 0,30 (no elétrico).  O mesmo banho sai por R$ 0,46 (com aquecedores solares tradicionais) – 53,3% a mais do que o chuveiro elétrico – e R$ 0,59 (96,6% mais caro) com os aquecedores a gás e R$ 1,08 (246,6% a mais) com o boiler elétrico.

O professor Ivanildo Hespanhol, da Poli, que coordena a pesquisa, considerada o chuveiro elétrico a forma mais barata e acessível para população brasileira tomar banho quente, resguardando o direito à saúde, dignidade e higiene. “Mesmo antes da divulgação da pesquisa, mais da metade das pessoas que têm chuveiro elétrico em suas casas conheciam outras formas de aquecimento, mas não trocam o chuveiro elétrico”, acrescenta o professor.

Gasto de água

O estudo mostrou, ainda, que o consumo de água do chuveiro elétrico só perde para o modelo híbrido solar:

  • A média anual do consumo de água no chuveiro elétrico é de 4,2 litros por minuto (l/min);
  • O chuveiro híbrido solar conseguiu uma média anual de 4,1 l/min (2,3% menor);
  • O a gás obteve uma média de 8,7 l/min –  207% maior que o consumo do convencional;
  • O aquecedor solar atingiu 8,4 l/min (200% maior do que o primeiro);
  • O boiler elétrico 8,5 l/min, 202% maior que o consumo do chuveiro elétrico.

Na hora da compra você já sabe: o chuveiro elétrico ainda é a melhor opção, em relação a preço, consumo de energia e água.

Fonte: Agência USP

Read Full Post »

Plugue e tomada de três pinos

O padrão brasileiro para tomadas e plugues mudou. O novo formato tem um rebaixo de quase 1 cm, é sextavado (foto) e com três contatos (pinos redondos).

O terceiro deles é o condutor-terra, que impede choques elétricos.  Já a área mais funda serve como barreira, principalmente para crianças, evitando o contato acidental dos dedos no polo do plugue.

A partir deste ano, refrigeradores, lavadoras e micro-ondas não terão mais aquele fio verde que vinha na parte de trás dos aparelhos (o fio terra). Os aparelhos já sairão da fábrica com o terceiro pino no plugue.

Por conta disso, todo mundo terá que mudar as tomadas de casa? A resposta é NÃO!

Explico: a Lei 11.337, de 26 de julho de 2006, determina que todas as novas edificações tenham o aterramento da rede elétrica. Como as casas mais antigas não possuem, de nada vai adiantar apenas mudar as tomadas se elas não terão a nova  instalação. Além disso, apenas 20% dos aparelhos necessitam da proteção do fio terra. O restante continuará com dois pinos.  Para plugues de três polos, será preciso apenas usar adaptadores, sempre certificados pelo Inmetro.

Logo que o projeto elétrico da minha casa começou a ser pensado, comprei as caixas de tomadas, de interruptores e espelhos para a casa toda e, só depois disso foi que o padrão mudou.  Mas, como todas elas já têm a conexão com três pinos redondos mais o espaço para os quadradinhos ou “achatados” (só não possuem o rebaixo das tomadas novas), não vou precisar trocá-las.

Confira o material do Inmetro sobre o novo Padrão Brasileiro de Plugues e Tomadas.

Caso você compre um eletrodoméstico novo da Brastemp, por exemplo, e ainda venha com o plugue antigo,  a empresa faz a troca do cordão antigo pelo novo modelo.

Read Full Post »

Para quem está querendo dar aquela mudada no visual de casa sem gastar muito e ainda é adepto do “mãos à obra” ou do “faça você mesmo”, não pode deixar de ar uma olhada na revista Minha Casa, da Editora Abril, lançada este mês (maio/2010). Ela tem foco em decoração e reformas econômicas e está linda, linda!

Edição de maio de 2010

É praticamente um manual, uma fonte de consulta prática, principalmente para espaços compactos.  Ah, e o melhor: tudo com preços (bem enxutos, por sinal) e nome das lojas.

Eu gostei tanto da revista que fiz até a minha assinatura! E a edição de lançamento veio com preço promocional: de R$ 4,90 por R$ 2,90. É ou não é uma tentação?

Destaco, em especial, três matérias:

Read Full Post »

Decorando com adesivos

Usar adesivos para mudar a cara daquela parede branca e, ainda, fazer uma graça ou personalizar o ambiente. É uma opção simples, rápida e sem sujeira.

Borboletas alegram a cabeçeira da cama

Nas lojas especializadas você encontra as mais diversas imagens e temas (como florais, abstratos, geométricos, infantis, divertidos, frases e poemas), sem falar no que a sua imaginação pode criar, já que a maioria dos fabricantes também desenvolvem modelos personalizados (como a partitura de uma música ou um desenho criado por você).

Parece papel de parede, mas é adesivo

Eles devem ser aplicados em superfícies lisas, sem irregularidades e sem sujeiras, como de poeira ou gordura, para que sejam fixados corretamente.

Frases...

A aplicação também é simples:

  • Geralmente os desenhos vêm divididos em várias partes na cartela. Separe-os com uma tesoura e retire o papel da máscara, tomando o cuidado para que o adesivo fique grudado;
  • Depois, tire o desenho do papel e vá aplicando-o no local que escolheu;
  • Use uma espátula para alisá-lo e tirar as possíveis bolhas, começando do centro para as bordas;
  • Remova a máscara com cuidado e está pronto!
  • Ser o adesivo tiver mais desenho, cole-os da mesma maneira;
  • Caso ainda fique alguma bolha, fure-a com uma agulha e passe novamente a espátula.

    Fazendo o papel do mancebo

Agora, se a grana tá curta ou você é adepto do faça-você-mesmo, dá uma olhadinha no vídeo que o artesão Marcelo Darghan preparou para a Casa Cláudia:

Você pode compra os adesivos também pela Internet. Confira alguns endereços:

I-stick

Grudado Adesivos de Parede

Gecko Adesivos Decorativos

Signo Adesivos

Urban Arts

Read Full Post »